Fotos de Pessoas



Escolher um motivo para se fotografar nem sempre é fácil, especialmente quando levamos em consideração que para alguns tipos de fotos de pessoas, como de prédios ou de natureza, é necessário ser muito criativo para fugir do lugar-comum. Qual motivo então poderia proporcionar fotos de pessoas sempre diferentes e interessantes?

A resposta é simples: fotos de pessoas. Mas não exatamente fotos de estúdio ou de moda, mas sim fotos de pessoas do dia-a-dia, do cotidiano. Pode parecer que não tem nada demais retratar algo que se vê todos dias e às vezes nem se dá tanta importância, mas normalmente as fotos que mostram o cotidiano são as que mais chamam a atenção do leitor da foto.

Fotografar pessoas no ambiente de trabalho, na rua, conversando, etc. pode parecer complicado, especialmente se o fotógrafo é muito tímido, mas para tudo existe solução. Uma opção para quem não quer se aproximar dos "modelos" é fazer os chamados candids. Ou seja, fotografar as pessoas a uma certa distância sem que elas percebam.

Para esse tipo de fotos de pessoas é necessário ter uma boa teleobjetiva (no mínimo 200mm, mas sendo ideal uma 300mm) ou uma telezoom com potência equivalente. Os candids costumam resultar em fotos de pessoas ricas, pois como as pessoas não estão percebendo um fotógrafo por perto, são bem naturais e espontâneas.

Claro que não é necessário fazer fotos de pessoas apenas desse tipo. Os fotógrafos menos tímidos podem chegar perto dos potenciais "modelos" e convidá-los para posar para a foto. Neste caso, as objetivas mais comuns (entre 35mm e 80mm) são suficientes.

Um último caso é quando você quer fotografar locais movimentados com uma objetiva grande-angular para obter um enquadramento amplo. Locais como feiras, praias, avenidas movimentadas, praças ou parques são perfeitos para esse tipo de fotos de pessoas , pois concentram uma enorme quantidade de pessoas.

Já quanto a escolher se você vai utilizar um filme cor ou P&B, tudo depende da sua intenção. Os filmes coloridos dão uma idéia melhor de "realidade", enquanto os preto e brancos têm mais peso quando se quer mostrar a expressão fotos de pessoas, como pode ser observado na seção Ensaio dessa edição.


Autor: Marcio Eugenio