Motivação de Equipes: As chaves do ensino.



Ao Novo Educador.

Palestrante: Augusto Gomes – Palestrante Motivacional com enfoque em vendas e motivação.

Contrate pelo tel. (11) 3751 4161

Site: www.augustogomes.com.br 

E-mail: atendimento@augustogomes.com.br 

As chaves do ensino.

Na empresa é fundamental dominar três conceitos fundamentais da prática de educar: dominar os conteúdos, saber como trabalhar cada um deles e ter criatividade para que todos aprendam de fato.

Durante muitos anos, e até hoje em muitos casos, os eventos são marcados por falta de imaginação e repetição. Não há quem aprenda vendo sempre a mesma coisa. Como a empresa quer novos resultados ensinando de forma repetitiva? Sempre o mesmo formato. Como são obrigados a ficar no evento, colaboradores aplaudem de forma automática, ou seja: uns fingem que ensinam e outros fingem que aprendem. E nisso muito dinheiro é perdido.

A equipe deve ser considerada uma produtora de idéias. Ações devem ser feitas visando estimular a equipe para produzir idéias e não repeti-las.

É necessário estimular a equipe para produzir idéias e soluções, refletir sobre elas e alinhar com as metas da empresa. Assim a equipe torna-se uma co-autora da gestão. Torna-se criador e criatura. Mãe e filho.

É papel da empresa estimular a produção de idéias nos eventos em exercícios focados no tema e garantir ao aluno/colaborador a liberdade de imaginar e edificar as propostas que são alinhadas com as metas. Para isso o gestor/educador deve estar atento participando de todo o processo.

Infelizmente ainda há gestores trabalhando na chamada metodologia tradicional, que supervaloriza as práticas mecânicas de ensino por acreditar que a repetição leva a equipe a fixar modelos. Ou por preguiça mesmo.

Para isso a arte serve como uma grande ferramenta para desenvolver a criatividade. O teatro serve perfeitamente para desenvolver a idéia. As criações/soluções dos grupos para os problemas do cotidiano corporativo podem ser apresentadas sobe a forma de representação teatral. Improvisar cenas com os colegas, integrando-se com eles, sabendo ouvir e esperar a hora de falar. Criar e construir cenas que contenham enredo, história, conflito dramático, personagem, diálogo e ação dramática.

Tudo isso é criativo, engraçado, envolvente, moderno e sobre tudo eficaz.

O fazer artístico focado no mundo corporativo potencializa e expande o aprendizado e o conhecimento. Permite que o aluno/colaborador exercite e explore diversas formas de expressão e pesquisa sobre como melhorar suas faculdades. É o caminho para estabelecer conexões com o que já sabe e as novas lições.

O novo educador deve promover a criação feita pelos alunos. Incentivar o contato com outras formas de aprendizado. O estudo de novos contextos. Novas idéias. Novas sensações. Incentivar a desenvolver um percurso próprio dentro dos parâmetros da empresa.

O caminho para um trabalho potencializado é favorecer a criação com propostas instigantes.

Augusto Gomes

Palestrante Motivacional

Ator

Educador.

Palestrante: Augusto Gomes – Palestrante Motivacional com enfoque em vendas e motivação.

Contrate pelo tel. (11) 3751 4161

Site: www.augustogomes.com.br 

E-mail: atendimento@augustogomes.com.br 


Autor: Augusto Gomes


Artigos Relacionados


Motivação De Equipes: A Chave Do Comprometimento.

O Educador E O Educando

País De Duas Faces

Chamamento Intencional

Motivação De Equipes: Contar Histórias

Os Dez Mandamentos Do Professor

Motivação De Equipes: Trabalho Em Equipe