O COMEÇO BEM ANTES DO COMEÇO



O COMEÇO BEM ANTES DO COMEÇO

(Autor: Antonio Brás Constante)

 

Minha história começa em um local que era literalmente um saco. Não fiquei ali muito tempo. Logo fomos despejados, eu e outros tantos, arremessados num mundo totalmente estranho e novo.

 

No inicio éramos bilhões, rumando em busca de um lugar melhor onde pudéssemos ser únicos e especiais, crescendo como indivíduos. Corríamos contra o tempo. Tínhamos um destino a cumprir. Todos procurávamos a mesma coisa, a chance de poder ser alguém, de vencer. Pois pressentíamos que o segundo lugar nada mais seria do que o primeiro a perder.

 

Éramos jovens, muito jovens, mas tínhamos garra e lutávamos a cada momento, para chegar onde queríamos. Ter o nosso próprio espaço. Poder desenvolver novas habilidades. Sermos reconhecidos pelo que éramos e principalmente pelo que viríamos a nos tornar a ser.

 

Mas a estrada era árdua. A competição dificílima. Muitos paravam, desistiam de trilhar aquela jornada. Eu seguia em frente sem olhar para trás. Deixando muitos pelo caminho. Não tinha jeito, era eu ou eles, e mesmo que quisesse, não tinha como ajudá-los. Vivíamos cada um por si, em uma verdadeira lei da selva, agindo por conta de nossa própria natureza.

 

Naquele mundo de competição acirrada. Buscávamos nossa identidade. Deixar o anonimato de uma existência simples, para poder escrever nossa história. Os obstáculos se acumulavam e multiplicavam em nossa frente. Uma espécie de caminho desconhecido por onde todos tínhamos de passar.

 

Não sabíamos ao certo o que nos esperava, qual seria nossa recompensa. Mas seguíamos nosso instinto. Como um velho lema do quartel que dizia: “não posso parar, porque se paro eu penso, se penso eu durmo, se durmo eu morro”. E seguíamos por esta lógica, ainda que de forma irracional. Parar mesmo que por um instante aquela corrida desenfreada significava perder.

 

No final da longa jornada, já não éramos tantos. Porém, ainda somávamos alguns milhares dos que partiram desde o seu início. Cheguei em primeiro lugar. Minha primeira vitória. Acredito que foi algo equivalente a ganhar na loteria. Um passo gigantesco rumo ao meu futuro. Meu prêmio foi pleno de amadurecimento e crescimento pessoal.

 

Enfim nasci, encontrando novos bilhões de seres neste pedacinho de terra cheia de poças de água salgada que chamamos de planeta Terra. Aqui cheguei e sigo novamente buscando meu lugar ao sol. Recomeçando tudo novamente nesta caótica e fantástica roda-gigante chamada: VIDA.

 

NOTA DO AUTOR: Os amantes da leitura agora dispõe de um excelente portal chamado: www.skoob.com.br, funciona como uma rede social (tipo orkut), mas com ferramentas de leitura, tipo: Estante virtual para cadastrar seus livros, histórico de leitura, resenhas, etc. Quem quiser participar vai encontrar por lá o meu singelo livro “Hoje é seu aniversário”, não esqueçam de adicioná-lo em suas estantes, ok? Quem quiser também pode me pedir uma cópia em PDF do livro, ou para fazer parte de minha lista de leitores, que recebem semanalmente meus textos, para isso basta enviar um e-mail para: [email protected]

 

SOBRE O AUTOR: Antonio Brás Constante se define como um eterno aprendiz de escritor, amigo e amante da musa inspiração. Lançou recentemente o livro: “Hoje é seu aniversário – PREPARE-SE”, disponível pela editora AGE (www.editoraage.com.br).

 

Site: recantodasletras.uol.com.br/autores/abrasc

 

SUGESTÃO: Divulgue este texto para seus amigos (vale tudo, o blog da titia, o orkut do cunhado, o MSN do vizinho, o importante é espalhar cada texto como sementes ao vento). Mas, caso não goste, tenha o prazer de divulga-lo aos seus inimigos (entenda-se como inimigo todo e qualquer desafeto ou chato que por ventura faça parte de um pedaço de sua vida ou tente fazer sua vida em pedaços).

 


Autor: Antonio Brás Constante


Artigos Relacionados


Fragmentos...

Cidade Mineira

Gata Mineira

September, 11: Farenheit

Ipanema

A ExtinÇÃo Da Fauna

Um Presente Especial