Saídas para a Crise; A hora de buscar novas estratégias



Múcio Morais – Palestrante Motivacional e Coching – Palestras voltadas para o desenvolvimento humano, Relacionamento, Vendas, Empreendedorismo, Negociação e outros temas; Atendimento em todo o Brasil; Site: www.muciomorais.com

Já está mais que evidenciada a incompetência e a irresponsabilidade dos governos e do sistema financeiro mundial, em especial em relação aos capitais fantasmas, aos investimentos “virtuais” e à especulação com papeis podres, é inegável a grande ladeira em que colocaram toda a humanidade;

Mais incrível ainda é saber que muitos desses gestores financeiros eram exatamente aqueles que orientavam as políticas econômicas de terceiro mundo, impostas em troca de “dinheiro novo” que agora sabemos de onde vinham;

Os modelos de economia, quase globalizado hoje, faz com que todas as nações tenham que rever seus processo econômicos e redefinir conceitos há muito consagrados pelo bem da manutenção do status quo das grandes potências mundiais. Parece que finalmente teremos algumas cabeças enfiadas no mar de mazelas econômicas para enxergar abaixo da ponta do Iceberg e repensar a boa e velha navegação mundial;

Como publicado no jornal do Brasil, O País tem saída, sim. Mas é preciso reestudar os subsídios à exportação, caso por caso, para reduzir o déficit da União. Ê preciso reestudar os subsídios à agroindústria, caso por caso, pelo mesmo motivo. Ê preciso reestudar a correção monetária, caso por caso, para reduzir a inflação sem provocar traumas na economia. E preciso reestudar as importações, caso por caso.

Para isso, é preciso disposição para trabalhar, pesquisar, analisar. Virtudes raras nos adeptos de desculpas esfarrapadas e da teorização excessiva.

Executivos da consultoria Bain & Company analisam, em artigo, a crise financeira mundial das últimas semanas. Eles afirmam que há oportunidades em todo esse cenário de turbulência. Vários exemplos são citados no texto: um deles é da japonesa Nomura Holdings.

O grupo adquiriu as operações da Lehman Brothers na Ásia e na Europa, dias antes da falência do, à época, 4º maior banco de investimentos dos Estados Unidos. A maior corretora do Japão enxergou essas aquisições como um movimento estratégico para se tornar um banco de investimentos global por meio de uma oportunidade que surge “uma vez por geração”.

Ocupar espaço, esta, em minha opinião é a grande oportunidade que a crise nos traz, sabemos que quase todas as áreas de atividade humana tem ciclos com diversas origens, a crise também é uma dessas origens cíclicas dos empreendimentos, nesse ciclo é que se define a permanência, fortalecimento, enfraquecimento, aparecimento e desaparecimento de empreendimentos e empreendedores, é na crise que muitos definem sua real vocação, é na crise que os espaços são abertos pelos que saem e ocupados pelos que entrar, é na crise que achamos a “desculpa” para rever, refazer ou desfazer;

E o cidadão comum? Será que fica à deriva na inteira dependência de um bote salva-vidas? Estamos mesmo de pés e mãos atadas? Também acredito que não, creio que temos muitas oportunidades para descobrir novos focos e traçar novas estratégias de vida, também em meio aos simples mortais será necessário conversar, pensar, planejar, estruturar, criar...

E isso nós sabemos fazer bem, não é assim que nos referimos a nós mesmos a todo instante? Somos um povo criativo, diferente, empreendedor! Está na hora de mostrar nosso valor! Aproveite a oportunidade para descobrir e avançar, isso até a próxima crise quando então com base na experiência adquirida você alçará vôos ainda maiores;

Quero deixar 10 PERGUNTAS para ajudá-lo em sua estratégia de crescimento; responda de maneira proativa, sempre procurando uma solução para suas respostas sejam elas quais forem...

1. O que estou realizando hoje é o que quero fazer na vida?
2. Estou acomodado e esta crise está mexendo comigo?
3. Estou me mexendo sempre; A Crise está diminuindo meu ritmo?
4. Quais as oportunidades estavam a minha frente antes da Crise?
5. Porque não aproveitá-las agora?
6. Quais as estratégias preciso seguir?
7. Onde quero chegar nos próximos 6 meses?
8. Por onde vou começar?
9. O que estou esperando?
10. Qual o passo darei exatamente agora?

Inove e obtenha mais resultados em sua carreira, não tenha medo dos desafios, encare cada passo como etapa de crescimento pessoal, Esse ponto pode ser um divisor de águas que demonstrará se você é um empreendedor de fato (na vida e nos negócios) ou se quer apenas garantir a sobrevivência (na vida e nos negócios).

Sucesso,

Múcio Morais – Palestrante Motivacional e Coching – Palestras voltadas para o desenvolvimento humano, Relacionamento, Vendas, Empreendedorismo, Negociação e outros temas;
Atendimento em todo o Brasil;

Este artigo é parte integrante da Palestra “Superação e Crescimento em tempos de Crise” que está sendo realizada pelo Prof. Múcio Morais em diversas empresas no Brasil. Contrate para sua Empresa!

Contato: (31) 3082-7271 – Site: www.muciomorais.com –
e-mail: contatro@muciomorais.com
Autor: Múcio Morais


Artigos Relacionados


LideranÇa Exige Qualidade Todos Os Dias - Palestra Motivacional

Como Superar A Crise Mundial

Oportunidades Ou Ameaças?

Palestra Crise Mundial

MotivaÇÃo E Verdade – Palestra Motivacional

Marketing Pessoal E GestÃo De Carreira ? O Que Realmente Importa?

Obama Chegou E Agora?